Madrid

Ola pessoal !

 

Ando sem tempo para escrever, a redação da minha tese anda ocupando grande parte do meu dia… então anda dificil postar novas receitas. Mas vou continuar postando assim, de maneira aleatoria 🙂

 

Esses dias (do dia 24 ao 27 de fevereiro) fomos para Madrid. Aproveitamos algumas promoções de voos e de hoteis, e fomos passar alguns (poucos) dias por aquelas bandas…

 

A cidade é muito bonita, mas talvez um pouco menos UAU que Barcelona…. mas, em compensação comemos muito melhor (e muito mais barato) em Madrid !

 

Ai vão algumas dicas, e claro, onde e o que comemos por la.

 

Dicas:

– o que falamos para Barcelona vale para Madrid: evitar restaurantes com muitas fotos de seus pratos nos muros e tals… é furada…

– em Madrid, fazendo muitas estripulias, como vocês vão ver « gorinha » mesmo, gastamos em média 10 euros (na verdade 9,55) por refeição ! o que é muito barato para um capital na Europa… nem em Lyon comemos assim. Ah sim, esses 10 euros não são para comer sanduba da esquina, mas sim para ir em restaurante legal, comer coisas tipicas, e por ai vai… sem « amarrar », e com bebida !

– nos comemos muitos pinchos (ou pintxos), que sao porçoes pequenas… e normalmente baratas.

– esse site esmadrid.com é muito bom para saber o que fazer em Madrid. As dicas de restaurante também são bem boas.

– ficamos em um Hotel chamado Los Alpes, que fica na Calle Fuencarral numéro 17. Ele fica bem pertinho do metrô Gran Via. Muito bem localizado, perto de tudo. Fizemos tudo a pé à partir dele, e so voltamos para casa de metrô duas vezes (estavamos mortos de tanto andar hehe). Muito simples, mas tranquilo e o dono fala espanhol, ingles, italiano, alemão e frances… ja ta bom né 🙂 Pegamos uma promoção legal no site booking.com e pagamos menos de 20 euros por pessoa por noite.

– almoço em Madrid (na Espanha né) so depois das 13h, e jantar normalmente é depois das 20h. Alguns restaurantes ficam bem cheios até as 21h. Mas depois o povo vai jantar em outros lugares… então, se passar na frente de um restaurante la pelas 19h30 ou 20h e ele estiver cheio, guenta ai até as 21h que ele vai provavelmente ficar mais tranquilo….

– se come em pé em varios lugares…

– ah sim, pegue o onibus amarelo para ir do aeroporto para a cidade… é rapido e custa so 5 euros.

 

Agora, aonde fomos ?

 

Almoço do dia 24:

 

Bodega de la Ardosa. Pertinho do hotel. A casa foi fundada em 1892 ! E guarda quase tudo (da decoração) de origem. Tudo muito bom e com bons preços.

 

Comemos: alcachofras rechedas, um pincho (ou pintxo dependendo do lugar – que é uma porção pequena) de tortilla de batata. Tudo bemmm bom.

 

De tarde, uma(s) boquinha(s)

Comemos: uns sandubinhas de presunto + suco de laranja (suco em Madrid é caro… vale mais um vinho e tals) no Museo del Jamon. Mas Carlos, o Museo é uma franquia !!! Eu sei… em Barcelona demos sorte com franquia e azar com todo o resto… então resolvemos ver se em Madrid dariamos sorte com franquia… bof, bem meia boca o tal do Museo do Jamon, mas vale se voce estiver com o orçamento apertado, porque os sandubas são bem baratos ( esse ai da foto custa 1,70). Depois fomos na chocolateria Valor comer chocolate quente com churros. Nao tem foto porque eu filmei, e esqueci de tirar fotos hehehe mas comemos mais algumas vezes o tal chocolate com churros, em um lugar muiiito melhor, ja mostro… Mas a Valor vale a pena, é um pouco caro mas o lugar é bem legal…

 

De noite:

Fomos andando, andando, andando e caimos na rua « Cava Baja » onde tem um MONTE de restaurantes. Alguns são meio « baladas », cheio de jovens, lugares para comer umas tapas e dançar, e por ai vai… mas tem restaurante mais calminho também. No domingo estavam todos cheios ou fechados, então viramos em uma rua, logo no fim da Cava Baja e encontramos um restaurante vazio o La Cueva 18. Mas logo logo ele ficou cheio… comemos: croquetas de presunto et um negocio que esqueci o nome… foi mal, esqueci de tirar foto do cardapio… é um ensopado com varias carnes, pimentão, tomate… bem gostoso…. mas nao vale sair do seu caminho (se você tiver outras coisas para fazer) so para comer por la nao…

 

No dia 25:

 

Café da manha:

Do lado do hotel tem um restaurante La Austriaca. Tomamos café todos os dias la. Barato e com uns senhorzinhos que atendem super bem :). Gostamos do La Austriaca pq nao é turistico, e parace aquelas padarias pequenas de bairros de Sao Paulo… as pessoas da cidade vao comer la antes de ir trabalhar e tals, e isso é legal…

 

Almoço:

O restaurante que queriamos comer estava fechado (acabamos comendo la no ultimo dia de noite), esperando que ele abrisse (so vimos que ele não abria na segunda depois de esperar um bocado de tempo) tomamos uma cerveja na Cervejaria Santa Ana, e comemos em um restaurante chamado Tartufo, do lado da cervejaria. Foi a nossa descoberta 🙂 tudo bom e barato ! comemos: torillas de batata, mais croquetas de presunto e lulas empanadas e fritas, que estavam boas demais ! Tudo isso na plaza Santa Ana… pertinho do teatro espanhol.

 

De tarde:

Agora veio a vergonha da viagem: logo depois de almoçar fomos comer nossa sobremesa na Chocolateria San Gines (o lugar existe desde 1894 !): o famoso chocolate com churros. Muito bom mesmo ! vale a pena conhecer… bom, a vergonha foi que no meio da tarde, voltamos la para mais uma rodada de chocolate com churros lol, o negocio é muito bom… depois posto o video que fizemos, para mostrar como esse chocolate quente é….

 

De noite:

Voltamos à Cava Baja. Vimos na internet que uma tal de Casa Lucas fazia tapas mais criativas… então fiquei curioso… valeu demais ! Tudo muito bom e otimos petiscos. Jantamos por la mesmo. Comemos: croquetas de presunto (muito boas, com presunto de verdade, não so batata hehehe), pinchos de terrine de espinafre, alho poro, camarão e legumes confit; pincho de frango no molho de soja com cebolas roxas caramelizadas e uma mousse de milho (com oléo de gergelim); e um pincho de lombo de porco (macio, macio, nossa) com cebolas caramelizadas; tudo isso servido em torradas…. tudo muito bom !

 

Dia 26

 

Tomamos café na Autriaca 🙂 e fomos para Toledo, cidade ali pertinho de Madrid.

 

Meio dia (13h):

Achamos um restaurante chamado El Trébol (foi a sugestão de um rapaz que nos vendeu um imã de geladeira). Muito bom !!! So o suco foi caro… comemos croquetas de presunto (que não esta na foto, mas se parece que com aquilo que esta na direita, la em cima da foto); croquetas gourmet de camarão e legumes… uma batata assada chamada Bomba, muito boa… quadro Pulgas (sandubinhas): de bacalhau com legumes confit; de presunto com tomates; de cervo e légumes; de lombo com pimentão, presunto e outras coisas mais :). Pedimos uns pães que vieram com tomate/alho… bem bons. Tudo muito bom nesse restaurante, valeu muito te-lo encontrado… comemos muito bem. Nele também encontramos um site que vale a pena ver antes de ir pra Toledo: http://www.grupovivetoledo.com/ com varias dicas e tals…

 

Para a sobremesa fomos:

Mazapanes Confiteria (que existe desde 1856 !). As especialidades da casa são doces feitos a base de massa de amendoas. Provamos a Toledana (um doce de amendoas com abobora) e a Delicia (massa de amendoas mesmo). Tudo bem bom 🙂

 

Voltamos para Madrid. De noite fomos fazer uma boquinha antes de jantar. O que foi uma estripulia… fomos porque um blog, de um autor de desenhos em quadrinhos que gostamos tinha falado que era bacana…. realmente, o lugar é legal demais… mas muito caro ! tudo muito bom e tals, mas nossa….

O lugar chama La Casa Del Abuelo. Muito bom os petiscos: camarões empanados e croquetes de camarão. O lugar existe desde 1906, e tudo é muito pitoresco por la… por isso vale a visita 🙂

 

Dai fomos jantar…

… na Casa Alberto… que foi fundada em 1827 !! e fica no imovel onde morou (se bem me lembro) Cervantes ! massa né… comemos : tortilas (que não estão na foto); rabo de boi (muiiiito bom, nossa !!!) e pimentão recheado com rabo de boi…. tudo muito bom… um pouco mais caro que os outros lugares, mas vale a pena… a Casa Alberto tem um lugar para aperitivos/tapas (onde ficamos… os preços vao de 5 à 10 euros) e um salão para jantar e tals (os pratos do restaurante giram em torno de 15 euros)…. o restaurante não fica longe da Plaza Santa Ana (onde almoçamos na segunda).

 

No outro dia de manha, antes de pegar o avião, outra vergonha. Ficamos com medo de perder o voo, entao deixamos para tomar café no aeroporto… caro, bemmm caro (19 euros).

 

Quando falei la em cima da média de 10 euros por refeição, coloquei ai no monte os 3 churros + a Casa del Abuelo + o café da manhã no aeroporto. Na verdade, comendo direitinho, sem estripulias, ficaria mais barato !

 

Resumindo: se come muito bem em Madrid, sem gastar os olhos da cara 🙂

 

até o proximo post…. quem sabe o proximo nao demora tanto para « sair » 🙂

 

Abraços

 

CH

 

Publicités

Laisser un commentaire

Entrez vos coordonnées ci-dessous ou cliquez sur une icône pour vous connecter:

Logo WordPress.com

Vous commentez à l'aide de votre compte WordPress.com. Déconnexion / Changer )

Image Twitter

Vous commentez à l'aide de votre compte Twitter. Déconnexion / Changer )

Photo Facebook

Vous commentez à l'aide de votre compte Facebook. Déconnexion / Changer )

Photo Google+

Vous commentez à l'aide de votre compte Google+. Déconnexion / Changer )

Connexion à %s